Prematuridade

O Sono do Prematuro

O Sono do Prematuro

Enquanto seu bebê está na UTI, o padrão de sono dele é regido basicamente pelas rotinas da unidade. Nesse período, é difícil saber como vai ser o soninho do seu pequeno quando ele for pra casa.

Mas após a alta do hospital, problemas para dormir (e continuar dormindo) são mais comuns do que se imagina.

Acredita-se que prematuros tenham mais dificuldade em se adaptar aos horários de sono do que os bebês nascidos a termo.

Se você está sofrendo devido a problemas com o sono do seu bebê prematuro, saiba que você não está sozinho!

Por que isso acontece?

Devido ao tempo que passam na UTI, algumas situações são comuns:

  • Incapacidade de se auto-acalmar: eles acordam e não conseguem se acalmar sozinhos, a fim de voltar a dormir. Isto acontece devido ao seu sistema nervoso imaturo.
  • Querendo colo toda hora: isso é devido ao pouco tempo que ficaram no útero ou ao fato de que na UTI não eram afagados com tanta frequência. Pode ser uma combinação de ambas as circunstâncias.
  • Problemas com o aleitamento: devido ao seu tamanho e desenvolvimento, os prematuros podem ter dificuldade de sugar o peito ou o bico de mamadeira. Se eles estão com fome,  fica difícil pegar no sono e manter-se dormindo.

Realmente, acredita-se que bebês prematuros levam mais tempo para ajustar seu relógio biológico ao sono.

Por isso é importante que, ainda no hospital, o prematuro já comece a entender quando é dia e quando é noite. Isso é "comunicado" a eles através da diminuição da luz, dos sons e no manuseio mínimo do bebê na UTI durante a noite.

Essa adaptação também vai depender do grau de prematuridade do bebê, mas em geral, com 8 meses de idade cronológica, ele deve começar a dormir a noite toda ou, pelo menos, por períodos mais prolongados.

Além disso, é normal que o bebê prematuro durma mais que um bebê a termo, porém, por períodos mais curtos.

O prematuro e os estados de sono

Existem basicamente 3 estados de sono:

  • Sono profundo (também chamado de não-REM ou sono tranqüilo): nessa fase, importantíssima para o crescimento, o bebê fica muito quieto. De vez em quando há um suspiro ou sobressalto. Por um período, enquanto são pequenos, os prematuros apresentam muito pouco sono profundo, e pode haver movimentos mais frequentes e menos movimentos de respiração.
  • Sono leve (REM ou sono ativo): nessa etapa o bebê se mexe um pouco e faz pequenos ruídos. A respiração é irregular e as pálpebras se mexem rapidamente. Os olhos podem abrir brevemente ou ficar ligeiramente abertos por longos períodos. Prematuros nos primeiros meses de vida passam a maior parte de seu tempo em sono leve.
  • Fase de transição dormir/acordar: é como quando o bebê está começando a acordar. O bebê se move um pouco, faz uns barulhinhos, abre os olhos brevemente, mas pode voltar a dormir várias vezes antes de realmente acordar. Prematurinhos jovens passam muito pouco por este estado.

Um bebê que nasce a termo fica cerca de 15-20 minutos em sono profundo e 65-70 minutos em sono leve. Um prematurinho no início de sua vida pode ficar apenas 2-5 minutos em sono profundo antes de voltar para o sono leve. Na realidade, todos os bebês, prematuros ou não, começam a dormir em sono leve e, se não forem perturbados, acordam do sono leve também.

Mesmo quando completam 40 semanas de idade corrigida, bebês prematuros ainda não ficam o mesmo tempo que bebês a termo no estágio de sono profundo. No entanto, se os devidos cuidados com iluminação, som e manuseio forem tomados no período da noite na UTI, a adequação do padrão de sono do prematuro tende a progredir mais rápido.

O prematuro e os estados de alerta

Existem também 3 estados de "acordado":

  • Sonolento: o bebê movimenta-se pouco, abre e fecha os olhos, como quem está com dificuldade para acordar.
  • Acordado/ativo: o bebê está acordado, ativo, pode estar chorando ou muito agitado, mas não consegue se concentrar em algo ou alguém.
  • Alerta: o bebê está acordado, com os olhos abertos e olhando ao redor.  Bebês prematuros têm muitas vezes um estado "não muito alerta", em que eles parecem estar tentando se concentrar, mas não apresentam aqueles olhos arregalados e brilhantes de um bebê totalmente alerta.

Antes de 26-27 semanas, é difícil dizer se o prematuro está realmente acordado, pois não há estado de alerta.

Entre 27 e 30 semanas, o prematuro pode tornar-se alerta  por curtos períodos. Quando desperto, fica no estado sonolento ou acordado/ativo. À medida em que o bebê prematuro cresce, fica mais tempo alerta e diminui o tempo que passa acordado/ativo. Esse aumento no tempo em estado de alerta é mais um sinal de que o cérebro dele está se desenvolvendo bem.

O bebê precisa estar alerta para prestar a tenção ao que acontece à sua volta. Esta é uma forma muito importante de aprendizagem. Estar alerta também é importante para começar a interagir com as pessoas e o mundo, e, portanto, está relacionada com o desenvolvimento de habilidades sociais do bebê.

Mesmo quando atingem a idade de termo (39-40 semanas), bebês prematuros ainda não estão ficam tanto tempo alertas quanto um bebê que nasceu a termo. No entanto, é importante que haja estímulos adequados, começando ainda na UTI, para ajudá-los a ficar alerta desde cedo, o que fará com que cresçam e se desenvolvam melhor.

Algumas dicas

Existem alguns passos que você pode tomar para tentar fazer seu prematuro dormir melhor. Alguns deles já foram testados por pais de prematuros e incluem:

  • À noite ou na hora do cochilo, colocar uma música calma;
  • Conversar com seu pequeno, num tom de voz baixo e calmo, desejando que ele tenha uma boa noite de sono, que durma tranquilo e que vocês estará sempre por perto;
  • Cantar uma canção de ninar antes dele dormir;
  • Balançar o bebê em uma cadeira de balanço, pouco antes de colocá-lo no berço;
  • Fazer um "ruído branco", como um aspirador de pó ou um ventilador de teto;
  • Colocar seu prematuro em um saco de dormir. Isso pode ajudá-lo a se sentir mais aconchegado para adormecer e permanecer dormindo;
  • Acender uma luz noturna ou manter baixa iluminação no quartinho dele;
  • Organizar os horários de sono do seu prematuro, certificando-se de que haja rotinas bem estabelecidas das horas em que passa acordado e dormindo.

 

Fontes: livre tradução e adaptação de Spensershope.org & Baby.lovetoknow.com

Compartilhe

Campanhas Beneficientes

Conheça nossas campanhas para garantir fraldas, itens de higiene, roupas, alimentos e equipamentos, além de sangue e leite materno, para hospitais e para famílias de bebês prematuros de todo Brasil. Colabore e faça a diferença na vida de quem mais precisa.

Confira nossas últimas campanhas

  • Doar sanque
  • SOS Prematuro
  • Doe Leite Materno
  • SOS Prematuro

Histórias reais

Veja histórias por:

Últimas Notícias

Receba as novidades

Assine nossa newsletter e fique por dentro de tudo que acontece no universo da prematuridade.