Notícias

06.08.2021

Meu Pequeno Príncipe Juan Pablo

“Toda mulher sonha em ser mãe, depois de oito anos de casada veio meu primeiro filho, no início foi tudo muito estressante e assim seguiu a gravidez toda só estresse.

No carnaval eu notei que estava muito inchada, fui no hospital e lá a médica olhou os resultados dos meus exames e me encaminhou para o grupo de risco, tinha constatado nos meus exames diabetes gestacional. Fui realizar minha primeira ultrassom do grupo de risco e constatou que o meu bebê já estava entrando em sofrimento fetal, não estava passando mais nutrientes para ele pelo cordão umbilical.

Na mesma hora já fui internada, o médico me explicou tudo que iria acontecer que eles precisavam tirar o bebê. Tomei todos os medicamentos e dei entrada na maternidade no dia 05/04/2019 e tive o Juan no dia 08/04/2019 com 32 semanas, pesando 1.310Kg e foi pra UTI, ficou nove dias esperando liberação para semi intensiva. A vaga da semi não surgiu, mas ele foi encaixado no mãe canguru, onde as mães fazem a internação junto com os filhos. No dia 20/05/2019 teve alta pesando 2.114kg.”

(Relato da mamãe Beatriz, enviado em 2019) 

Compartilhe esta história

Histórias Reais

Veja histórias por:

Receba as novidades

Assine nossa newsletter e fique por dentro de tudo que acontece no universo da prematuridade.